Contato (22) 9 9750-4132 - ID 88*136923 E-mail: blogdoprofessorarmando@gmail.com

teste

29 de novembro de 2014

Porto do Açu começa a operar no Rio de Janeiro e recebe primeiro navio.

O navio Key Light é carregado no Porto de Açu, no Rio de Janeiro, no sábado (25)


A Prumo Logística (PRML3) informou nesta terça-feira (28) que o Porto de Açu já está em operação no Rio de Janeiro. No último sábado (25), o navio "Key Light" foi carregado com 80 mil toneladas de minério de ferro no píer dedicado do Terminal 1. O carregamento marcou o início de operação do empreendimento. A embarcação, que chegou ao porto no dia 22, está atualmente a caminho da China."Este primeiro navio representa um marco histórico para o porto. Já temos vários clientes produzindo, mas o embarque da Anglo American é o primeiro realizado. Agora estamos focados em iniciar a movimentação de embarcações no Terminal 2 até o fim do ano", comemora Eduardo Parente, presidente da Prumo Logística.

Empreendimento era de Eike
O Porto do Açu era tocado pela LLX, empresa de logística do grupo de Eike Batista. Com a crise que se abateu sobre seu império no ano passado, Eike vendeu a LLX, e a empresa mudou de nome para Prumo.
O Porto do Açu está localizado em São João da Barra, no norte fluminense, e tem 17 km de píeres, que poderão receber até 47 embarcações simultaneamente. Ele tem um terminal offshore e um terminal onshore.


Uol São Paulo 28/10/2014.

8 de novembro de 2014

QUANTO CUSTA ESTUDAR MEDICINA.



Abaixo faremos um cálculo médio de gastos de um estudante de medicina, a fim de calcular o custo total dessa graduação e o investimento necessário para tornar-se um Médico.
Mensalidade: O primeiro fator a ser levado em consideração é a mensalidade da faculdade de Medicina, caso ela seja uma instituição de ensino privada. O valor médio da mensalidade é de R$ 4.000,00. Considerando os seis anos de graduação, o valor chega ao total de R$ 288.000,00.
Moradia: O gasto com moradia deve ser considerado caso o estudante precise mudar de cidade para estudar. Nesse caso, considerando uma cidade de médio porte, o gasto médio é de R$ 700,00 por mês, considerando que neste valor estão inclusas todas as despesas, como água, luz, internet, entre outros. Levando-se em conta os anos de graduação, o investimento é de R$ 50.400,00.
Alimentação: Caso o estudante more fora, haverá o gasto com alimentação que pode variar bastante, desde refeições em restaurantes oferecidos pelas próprias instituições, com preços mais acessíveis, até restaurantes tradicionais, onde o preço é um pouco mais elevado. Como valor médio estipulamos um gasto de R$ 30,00 por dia, com isso chegamos ao valor de R$ 10.800,00 por ano e R$ 64.800,00 durante toda a graduação.
Transporte: Em algumas cidades há a necessidade de utilizar transportes públicos para chegarem às salas de aulas. Nesse caso consideramos o gasto médio de R$ 6,00 por dia. Com isso, chegamos ao valor de R$ 2.160,00 por ano e R$ 12.960,00 durante toda a graduação.
Materiais de Estudos: Os livros de Medicina são, em geral, muito caros, porém esse gasto pode não ser necessário, tendo em vista que muitas dessas instituições oferecem uma boa biblioteca com grande acervo de livros e artigos científicos à disposição dos estudantes. Mas, caso seja a vontade do graduando, os gastos podem chegar a até mais de R$ 600,00 em um único livro.
Materiais de Trabalho: Outra preocupação dos estudantes é em relação aos equipamentos de trabalho e à necessidade de ter de comprá-los durante a graduação. Esses equipamentos são o jaleco, o estetoscópio, termômetros e aparelhos de aferir a pressão arterial. Os gastos com esses materiais não chegam a R$ 500,00 nos modelos mais básicos.
Conclusão: Com isso, podemos afirmar que o custo para estudar Medicina em uma instituição privada de ensino superior pode chegar a R$ 417.160,00 (trazendo este valor para o presente líquido) durante os seis anos da graduação de um estudante morando em outra cidade. Já em uma instituição de ensino pública, o valor chega por volta de R$ 129.160,00. Nestes casos desconsideramos os gastos durante as férias, viagens de fins de semana para a casa, além de outros gastos que podem acontecer durante toda a graduação e que aumentam consideravelmente esta conta.
Mundo Vestibular.

15 de outubro de 2014

PETROBRAS E PETROBRAX: DOIS PROJETOS DE EMPRESAS E DE PAIS.

A Petrobrás é de novo o centro do debate neste segundo turno das eleições presidenciais. Muita coisa está em jogo, inclusive conquistas e direitos da classe trabalhadora. Estamos diante de dois projetos políticos opostos, que colocam em xeque os rumos do país e da Petrobrás. Por isso, é fundamental que os petroleiros, principalmente aqueles que não estavam no mercado de trabalho nos anos 90, confrontem esses dois projetos e se posicionem.
Não faz muito tempo, a Petrobrás estava na lista de privatizações do governo do PSDB. Os tucanos quebraram o monopólio da empresa, entregaram 35% de suas ações ao mercado e  à Bolsa de Nova Iorque, sucatearam, fragmentaram e chegaram a privatizar parcialmente a Petrobrás, que teve, inclusive, o nome alterado para Petrobrax.
Tudo isso aconteceu entre 1995 e 2002, período em que os trabalhadores foram violentamente atacados. O governo do PSDB ocupou as refinarias com tanques do Exército, afundou a P-36, demitiu e puniu centenas de petroleiros, arrochou o salário da categoria, tentou acabar com a livre negociação coletiva, reduziu à metade os efetivos próprios e cortou diversos direitos dos trabalhadores
A partir de 2003, a Petrobrás saiu da agenda das privatizações, começou a ser fortalecida, voltou a crescer, descobriu o pré-sal e é hoje a empresa que mais investe no Brasil. Se antes as plataformas e navios eram comprados no exterior, hoje temos um programa de nacionalização de encomendas que gera empregos e renda no país.
Que Petrobrás você irá escolher nesta eleição? A que é a operadora única do pré-sal ou a Petrobrax?
Fonte: FUP  Federação única dos petroleiros.

20 de setembro de 2014

ACIDENTE FERROVIÁRIO EM PARIS 1895.

O acidente de trem que aconteceu na estação de Montpramasse em 1895 ficou marcado como o acidente mais espetacular que já aconteceu na França.
Uma locomotiva com excesso de velocidade no momento que se aproximava da estação, não conseguiu frear o trem e a locomotiva derrubou a mureta de proteção no fim da linha, atravessou o terraço, destruiu parte da fachada da estação e despencou de uma altura de dez metros. A única vitima fatal foi  Marie Augustine Aquilard dona de uma banca de jornal existente na calçada na época.
O museu mundo a vapor em Gramado conta toda historia com uma riqueza de detalhes impressionante.

28 de agosto de 2014

SINDIPETRO-NF COLOCARÁ URNAS NAS BASES PARA VOTAÇÃO NO PLEBISCITO POPULAR.

De 1 a 7 de setembro acontece no País o Plebiscito popular por uma constituinte exclusiva e soberana do sistema político.
Durante uma semana a população brasileira terá a oportunidade de se posicionar sobre a reforma política em nosso País. No Norte Fluminense os comitês estão se organizando e dividindo tarefas. O Sindipetro-NF irá colocar urnas em todas as bases de terra da Petrobras e nos aeroportos de Macaé, Campos, Cabo Frio e Farol de São Tomé, na cédula para votação haverá apenas uma questão: - Você é a favor de uma constituinte exclusiva e soberana sobre o sistema político?
Fique por dentro: O que é um Plebiscito popular?
Plebiscito popular é uma consulta na qual os cidadãos e cidadãs votam para aprovar ou não uma questão. De acordo com as leis brasileiras somente o Congresso Nacional pode convocar um Plebiscito. Apesar disso, desde o ano de 2000 os movimentos sociais brasileiros começaram a organizar Plebiscitos populares sobre temas diversos e qualquer pessoa independente do sexo, da idade ou da religião pode trabalhar para que seja realizado organizando grupos em seus bairros, escolas, universidades, igrejas, sindicatos, onde quer que seja para dialogar com a população sobre um determinado tema e coletar votos. O plebiscito popular permite que milhões de brasileiros expressem a sua vontade política e pressionem os poderes políticos a seguir a vontade da maioria do povo.
O que é uma constituinte? Constituinte é a realização de uma assembléia de deputados eleitos pelo povo para modificar a economia e a política do País e definir as regras, instituições e funcionamento das instituições em um estado como Governo. O congresso e o Judiciário por exemplo. Suas decisões resultam em uma constituição. A do Brasil é de 1988.
Sindipetro-NF.

5 de agosto de 2014

FAIXA DE GAZA

Faixa de Gaza é um território localizado na Palestina que fica entre Israel e Egito ao longo do mar mediterrâneo.
O território é conhecido por estar em constatante conflito, uma vez que é reivindicado pelas autoridades Nacionais Palestina como sua propriedade. Este território do sudoeste da Palestina é constituido por uma planice costeira que margeia o litoral metiterrâneo e estende em torno da cidade de Gaza. Abrange uma área de 365 Km² e tem cerca de 1,7 milhões de abitantes. A faixa de Gaza é um dos territórios mais povoados do planeta, não possui nenhum recurso natural e possui uma modesta industria textil, alimentar e cerâmica que foi muito afetada com os bombardeios Israelense durante os anos de 2008 e 2009. Apresenta pouca infaestrutura e a falta de agua é constante. Na faixa de Gaza está a própria cidade de Gaza tem palmeiras, tamarreiras e pomares, esta cidade já existia desde os tempos de Abraão e nela morreu o personagem Bíblico Sansão.
Após o desaparecimento do estado Árabe da Palestina , Gaza ficou sob adiministração Egípcia (1948) em 1967 os Israelitas ocuparam e a partir de estabelecimento de colonos acompanhada da espulsão em massa dos refugiados palestinos. Os conflitos na faixa de Gaza começaram logo após as eleições parlamentares palestina quando o partido Hamas conhecido por seus atentados e ações terroristas venceu as eleições e assumiram então a faixa de Gaza. Porem ela é atualmente controlada por Israel o que tem causado os conflitos. Faixa de Gaza é totalmente cercada por muralhas em todos os lados para separar os dois paises.

31 de julho de 2014

Incêndio sem vítimas na Bacia de Campos

A diretoria do Sindipetro-NF foi informada que por volta das 11h desta quarta-feira (30) correu um incêndio sem vítimas em PNA-1. No momento estava sendo realizado um trabalho de solda, isolada por uma manta, que acabou pegando fogo. 

Os técnicos de segurança a bordo conseguiram debelar o incêndio com extintores e encharcaram a manta com água. Acionaram o dilúvio e a brigada de incêndio não precisou atuar. O Sindicato vai buscar apurar os fatos com a categoria, mas segundo informações não houve vítimas.

Sindipetro-NF apura vazamento de óleo

O Sindipetro-NF está apurando junto aos trabalhadores informações sobre a ocorrência, nesta tarde, de um vazamento em uma linha de drenagem na plataforma PNA-1, na Bacia de Campos, por volta das 16h15. A produção está parada na unidade e em algumas das plataformas do entorno.

As informações iniciais dos trabalhadores dão conta de que chegou a haver vazamento de óleo no mar. Procurada pelo sindicato, a gerência de Segurança (SMS) da Petrobrás afirma que o vazamento foi de água oleosa e estaria controlado.

Fonte: Sindipetro-NF

9 de julho de 2014

Cientistas relacionam alta no número de terremotos à extração de petróleo

   Cientistas dizem que o recente aumento nas ocorrências de terremotos de pequena magnitude no Estado americano de Oklahoma provavelmente é resultado da alocação subterrânea de grande quantidade de águas residuais geradas pela extração de petróleo e gás.
   Tremores costumavam ser raros em Oklahoma. Antes de 2008, o Estado registrou apenas um terremoto por ano de magnitude 3 ou maior. Neste ano, já ocorreram 230 terremotos dessa magnitude, mais que o número registrado na Califórnia.
   "É um crescimento muito significativo", diz Katie Keranen, sismóloga da Universidade Cornell e principal autora de um estudo sobre os tremores de Oklahoma, publicado na quinta-feira passada na revista "Science".
  As descobertas se somam a um crescente volume de evidências de que vários tipos de atividades humanas de grande escala — da mineração de carvão à construção de barragens — podem ajudar a provocar terremotos. Na maioria dos casos, os processos geológicos são complexos e pouco compreendidos.
    No centro e no leste dos Estados Unidos, o número de terremotos saltou nos últimos anos, de acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos. A agência afirma que mais de 300 tremores acima da magnitude 3.0 ocorreram em três anos, entre 2010 e 2012, ante uma média anual de 21 para o período entre 1967 e 2000. Esses terremotos foram grandes o suficiente para serem sentidos, mas raramente causaram danos.
    Ao analisar dados de terremotos a partir de 1970, a agência verificou que a alta dos abalos sísmicos coincide com a injeção de águas residuais em vários lugares, incluindo os Estados do Texas, Colorado, Arkansas, Ohio e Oklahoma. Ela planeja divulgar um mapa de risco de terremotos provocados pelo homem, conhecidos como terremotos induzidos.